POSTAGENS RECENTES NO BLOG

A FONTE DA FELICIDADE

Olá gente, esse poema foi enviado a mim por uma pessoa que eu conheci no G mais e depois ficamos amigos no Face Book. Aliás, agora me tornei "caçadora de talentos!" ao menos no meu ponto de vista...pois não sou acadêmica para avaliar. Mas, meu coração tem lá os seus conhecimentos e se é bom, eu publico, rs rs...espero que gostem como eu gostei. Escreveu o poeta:


"Sabe-se bem,  ela existe
 Ainda que não se mostre
Por recato, ou sei lá o quê
Misteriosa, escondida
Num desafio constante
A espera do viajante
Disposto a dela beber!
Mas o viajante aflito
Em seu destino cumprir
Preso aos seus tolos conflitos
O rosto crispado em um rito
Passa sem vê-la a sorrir!

São muitos viajantes chegando
Enquanto outros tantos se vão
E, a Dona Felicidade
Já cansada de esperar
De tão solitária a coitada
Resolve contra atacar...

É quando o velhinho míope
Vendo a loura esfuziante acenar
Num instante, num arroubo de paixão
Diz ao pé do seu ouvido:
_Tome cá meu coração!
E foram felizes pra sempre.

E, que a muitos a história valha
Pois a felicidade
Embora às vezes tarde,
na verdade nunca falha!"
Edward Bellows

Imagem autoral, meramente ilustrativa

Não acabou não...logo, logo, posto outra dele!
Sandra May

2 comentários

Deixe seu contato para receber notificaçõe por e mail

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...