POSTAGENS RECENTES NO BLOG

POR TANTO FALAR EM MIGRAÇÃO, REFUGIADOS...

Olá, você que visitar " Letras Que Se Movem..."

Hoje eu faço uma postagem muito especial pra mim. Como boa descendente de família germânica imigrante, aprendi a dar valor às menores coisas e a reaproveitar tudo. Da alimentação ao vestuário. Minha bisavó fazia as mais lindas toalhas de banho e rosto que já vi, com  sacos de farinha. Eles eram lavados e enxaguados em água de anil, desfiadas as laterais fazendo franjas com nozinhos e obviamente...lindamente bordados com monogramas (as letras iniciais do nome do casal).
Por isso, convido você a entrar AQUI e conhecer o resultado da minha experiência na infância com meus antepassados.
Obrigada a minha mãe, minhas tias, avós e bisavós; as mulheres do meu passado eternamente presente!
Sandra May

28 comentários

  1. Que lindo! amei amadaaaaaaaaaaaaa´parabéns pelo trabalho!

    http://rubiaartes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Vc me fez lembrar de meus antepassados.
    Meus avós e tios tbm faziam toalhas dessa mesma maneira.
    Eram tão lindas as toalhas e branquinhas né?
    Dava gosto de fé e pena de usar rsrsrs.
    Obrigada por compartilhar um texto que me trouxe ótimas recordações.
    Bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que bom...adoro dar uma voltinha no passado, rsss

      Excluir
  3. Oi Sandra.muito linda as bijus..
    Parece que foi feito com muita amor e carinho...
    É isso que torna as coisas lindas...
    Bjuss e um ótimo final de semana...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que palavras incentivadoras, Adelaide, Obrigada!

      Excluir
  4. não conhecia esse tipo de artesanato, devem ser lindos! - não abriu o link aqui pra mim, deve ser a internet lenta... gostei de conhecer o teu blog, te convido a conhecer o meu cantinho, bjs

    http://mentesinfantisfuturodapaz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá Sandra.
    Estou com vc. Também conheço isso.
    Nossos antepassados passaram por muitas dificuldades e souberam aproveitar muitas coisas que hoje nem se dá valor.
    Muitas vezes não me conformo com o desperdício do ser humano.
    Ótimo final de semana para vc.
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. É, como carmem disse, coisas que não damos valor hj, nossos pais, avós souberam viver e dar valor,
    beijos

    ResponderExcluir
  7. A nossa família vai ser sempre uma raiz em nossas vidas, os antepassados deixam o fruto para os mais novos e com isso aprendemos muitos com eles, Sandra beijos.
    http://www.lucimarestreladamanha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Que lindo flor, eu amei.
    beijinhos
    http://falaseriorah.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Emocionante ler, sentir uma pessoa que dar valor aos pequenos detalhes, e o mais importante, preservá-los, passar à frente, história de vida é isso. Esse processo de criação, é maravilhoso e o resultado, idem. BjusLuz!
    www.blogdakassinhagomes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá Sandra....sem dúvida que concordo com as as suas ideias....nós somos reflexo dos nossos antepassados quer queiramos quer não......beijocas linda

    ResponderExcluir
  11. Legal amiga!!!
    É bom termos essas recordações com os nossos entes queridos.
    Sua bisavó, já fazia arte em reaproveitar os sacos de farinha em lindas toalhas.Técnicas antigas que deixavam os trabalhos lindos.Parabéns pela postagem.Bjss!!!

    http://agendadosblogs.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. adorei a postagem.. meu avô era gaúcho de santa Rosa.. e minha mãe me criou mais gaúcha do que mineira.. temos que preservar nossa cultura, lindo!.. bjs e sucesso!
    www.karinapadilha.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Linda sua história! Meu bisavó paterno veio da Alemanha, cidade de Liepzig. Meu bisavô materno veio de Trento na Itália... Não cheguei a conhecê-los, mas gosto muito das histórias contadas... Tenho histórias bem parecidas com a sua, onde minha avó paterna fazia essas artes... tenho jogos de toalhas bordados por ela e nunca tive a coragem de usá-los pois se estragar ela não poderá mais fazer outros... ela ainda vive, mas não pode mais fazer... Bjs no coração
    http://www.analauraartes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. É uma pulseira é??/ Acho que vi uma pulseira no seu braço, e achei muito bonita.bjsss
    www.katiamagal.com

    ResponderExcluir
  15. Você tem uma trajetória cheia de histórias e emoções que dá pra escrever um livro se quisesse, fico feliz por vc estar muito bem e segura, e sim deixamos muitas coisas para trás quando saímos em busca de coisas melhor pra nós, eu sei como eram essas toalhas, minha mãe tb as faziam e eram realmente lindas e as mais macias que já senti em toda minha vida, bjs

    ResponderExcluir
  16. Maravilhoso os trabalhos das nossas mães e avós não é mesmo?também tenho lembranças boas dos trabalhos da minha vó,elas faziam tudo com muito carinho e dedicação!bjss!! http://wwwmazeblogspotcom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Que lindoooooo amei linda!
    Você tem uma ótima visão.

    www.fikesperta.com

    ResponderExcluir
  18. Lembrar da nossa origem, é dizermos quem realmente somos, lembrar de antepassados nos remete ao nosso inicio ,parabéns pelos trabalhos de sua mãe e avós, mostra que alem da peças que eram feitas com muito carinho você as guarda com esse mesmo carinho,bjs
    pedacinhosderetalhoseli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Agradeço de um modo geral aos comentários nessa postagem...pessoas da Agenda dos blogs, obrigada!!!
    Sandra May

    ResponderExcluir
  20. A arte das bijuterias apresentada é sui generis, muito interessante. Parabéns. Os trabalhos em tecidos, como colchas de retalhos e outros eu conheci feitos pela minha avó paterna, além das guloseimas e licores que fazia, entre eles o de leite que, de tanto ser coado em algodão, ficava transparente e delicioso. Ela descendia de alemães e suíços. Muito bom lembrar coisas antigas!

    ResponderExcluir

Deixe seu contato para receber notificaçõe por e mail

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...